10/09/2018 - 20:07
Unilasalle-RJ agora é parceiro Amazon Web Services Academy

Os alunos utilizam os materiais da CISCO para o aprendizado do conteúdo de redes. A partir da Microsoft, recebem gratuitamente o pacote Office e podem fazer uso de qualquer aplicativo da empresa ao longo dos quatro anos da graduação. Essas são vantagens que o discente de Sistemas de Informação já possuía, para além das conquistas advindas do Google for Education. Em breve, no entanto, mais uma novidade promete trazer benefícios para o currículo deles, como espera a coordenadora Márcia Sadok. Na última semana, ela recepcionou o responsável pela Amazon Web Services Academy na América Latina. O encontro marcou o início da parceria entre a unidade de negócios integrante da Amazon e o Unilasalle-RJ, sinergia que fará alunos e professores terem créditos na nuvem, empregando as ferramentas disponíveis ali. A iniciativa faz o centro universitário ser uma das 13 instituições, a única do estado do Rio, membros da AWS Academy.

Para Alex Salgado, docente do curso, a notícia vem somar importante característica à graduação: “Conseguiremos aplicar as ferramentas nas nossas aulas, tornando-as mais dinâmicas e atualizadas. São ferramentas que o mercado está usando. É a tentativa de diminuir o gap que os alunos costumam ter quando saem da faculdade”. A parceria dá direito a US$ 200 anuais a professores e US$ 100 a alunos de espaço na nuvem Amazon.

Uma vez credenciado, o centro universitário pode também conseguir certificação para alunos e professores com 50% de desconto. “Ganhamos uma base de conhecimento muito grande para nossos discentes e docentes, com empresa que é referência de armazenamento de dados e desenvolvimento de sistemas. Precisamos de um diferencial. O mercado pede certificações, para além da formação universitária, o que disponibilizaremos com menor custo do que se o aluno fizesse em outro lugar”, explica Márcia.

O próximo passo após a visita de representantes da AWS é a formação dos docentes. A partir dela, o centro universitário receberá comissão para avaliar se a IES pode se tornar certificadora, o que aumenta também o acesso a produtos. A previsão é de que a etapa de formação se dê ainda este semestre.  

Conheça mais sobre a AWS Academy aqui.  E descubra no site da Amazon Web Services detalhes sobre a plataforma de serviços de computação em nuvem, cujos benefícios já são sentidos em 18 regiões do mundo.

 



Confira a galeria de fotos e vídeos
Voltar