Cinco dicas para aplicar técnicas de criatividade e inovação em pequenas empresas

Os temas criatividade, inovação, design thinking estão muito populares no mundo dos negócios. Grandes empresas contratam consultorias milionárias com o objetivo de mudar os rumos de seu empreendimento utilizando técnicas ligadas a esses temas. Mas se você é dono de uma pequena empresa também pode aproveitar essa onda? A opinião de especialistas é de que sim!


Criatividade e Inovação independem do porte da empresa 

Os temas “Criatividade” e “Inovação” devem ser vistos como uma filosofia e cultura, que ao serem implantadas precisam ser seguidas com disciplina. “O design, ciência que abraça e organiza a criatividade, não pode ser tratado como evento e sim como processo. O design thinking o tornou mais conhecido nas empresas, mas o processo pode ser mais profundo, considerando a gestão de pessoas e gestão de processos”, explica o professor da Universidade La Salle, Rodrigo Lem. Com mais de dez anos de experiência no desenvolvimento de projetos para indústria, Leme aponta ainda a importância do processo criativo ter fases: planejamento, análise de mercado, pesquisa e validação.  


Confira 5 dicas de como empresas pequenas podem aplicar essas técnicas

- Crie um comitê de inovação. Este comitê levará a informação aos demais setores da empresa

- De liberdade para todos e democratize a informação, deixando claro o que a empresa quer no futuro

- Crie um processo com etapas simples. Depois evolua.

- Amplie sua pesquisa. Mercados paralelos podem conter respostas às suas perguntas

- Busque referências no mercado externo. Não foque no seu concorrente.


Entre em Contato

Faça sua inscrição
logo-lasalle-shield