05/10/2018 - 22:12
Segunda edição do evento reuniu público diversificado e profissionais das HQs

Após dois anos, a Universidade La Salle volta a ser invadida pelo mundo geek em um evento que reúne de um lado as histórias em quadrinhos, de outro a educação sedenta por metodologias ativas que façam pensar. O Universos Paralelos chega a sua segunda edição reunindo professores e interessados para debaterem o potencial pedagógico da arte sequencial. O evento é promovido pela Universidade La Salle por meio da área de Educação e Cultura e dos PPGs em Educação e em Memória Social e Bens Culturais.

De acordo com um dos organizadores do evento, o Prof. Dr. Renato Machado, a proposta é mostrar para o público que é possível integrar aquilo que a gente considera entretenimento com a aprendizagem. “Os professores só precisam decodificar a cultura pop e se dar conta de que o conteúdo que é dado em sala de aula também está presente na cultura pop”. 

O evento teve sua abertura na quinta-feira, dia 04/10, com a palestra dos Quadrinheiros Maurício Zanolini e Bruno Andreotti que levaram ao público um pouco da origem e da história dos quadrinhos, bem como suas especificidades se comparada com outras artes sequenciais e também compartilharam suas experiências de como transformar a cultura pop em algo pedagógico. “Hoje a cultura pop tem uma influência muito grande na formação das pessoas devido à globalização e o fato de uma universidade abrir espaço para esse debate é incrível. Isso é, realmente, muito importante”, destacou Zanolini. Trabalhar a jornada do herói através das histórias em quadrinhos, estimular a reflexão por meio de memes que atualmente são um tipo de linguagem e se apropriar dos celulares utilizados pelos jovens para criação de conteúdos que possuam roteiros foram algumas das ideias de como colocar em prática essa lógica em sala de aula. Além disso, os Quadrinheiros falaram sobre as diversas formas de olhar para as HQs e tratá-las. “Tudo depende da intencionalidade do mediador que pode tratar uma história pelo mesmo olhar do autor, por outros olhares possíveis ou traçar possibilidades que fogem do esperado”, ressaltou Andreotti.

 

Os bastidores e o sucesso da Turma da Mônica por Sidney Gusman

Nada melhor para entender o sucesso de uma marca do que entender seu mecanismo e quem pensa suas estratégias. O Universos Paralelos trouxe para o seu palco um dos maiores especialistas em quadrinhos no País e responsável pela área de Planejamento Editorial da Mauricio de Sousa Produções, Sidney Gusman. O Jornalista contou porque no bairro do limoeiro tudo é possível. Relatou um pouco da história da Turma da Mônica e como o crescimento do projeto passou a abranger muitos públicos e mercados. “Dá pra fazer tudo com a Turma da Mônica, desde que obedecendo as características dos personagens”, destacou

Entre as versões educativas foram muitos os exemplos. Gusman ressaltou as saídas editoriais que viabilizaram que os personagens ilustrassem muitos temas sem perder sua essência. “Existem edições para diferentes religiões, mas os personagens não assumem essas religiões para si, eles encenam passagens e crenças de cada uma para exemplificar de uma forma lúdica cada pensamento”. Além das diferentes temáticas, as parcerias também são inúmeras. Sem contar nas versões que outros artistas já fizeram dos personagens que marcaram uma época. Foram essas versões e novas coleção que, segundo Gusman, resgataram leitores que só liam os gibis na infância e que hoje possuem um vasto leque de edições para escolher, como é o exemplo das publicações da Graphic MSP. 

A palestra de Gusman foi antecedida pelo painel com os representantes da Grafar (Grafistas Associados do Rio Grande do Sul), Edgar Vasques, Luciano Kayser Vargas e Neltair Rebés Abreu, o Santiago. O painel foi comandado pelo Professor Cid Domingues D’Ávila e versou sobre a história dos quadrinhos e charges e o papel deles na sociedade a partir do humor.

Quem sabe faz ao vivo

Quem passou pelo Espaço Multicultural pode conhecer aqueles que estão por trás dos desenhos. Artistas de histórias em quadrinhos participaram do Artist’s Alley, criando novas obras durante o evento e batendo um papo com os participantes. Estiveram presentes João Gutkost, Jader Corrêa, Matias Streb, Clayton Cardoso, J. R. Weingärtner e Fabiano Gummo. Além deles, lojas estiveram presentes disponibilizando produtos do mundo geek. Foram elas: PJ Geek Store, Kitten Decorações Geek, TchêShirts e Mangaká Store.

Campus Tour abrilhantou segunda edição do Universos Paralelos

O Universos Paralelos é um evento aberto ao público que reúne, predominantemente, professores e interessados no mundo das histórias em quadrinhos, mas neste ano contou com um reforço no público. Mais de dois mil alunos de escolas públicas e privadas que participaram do Campus Tour, evento que os traz para conhecerem os cursos, projetos e infraestrutura da Universidade, prestigiaram também o Universos Paralelos.

 

Confira no Flickr as imagens do evento.

 

Vem pra Universidade La Salle:

O Universos Paralelos é muito mais que um evento, ele é um projeto da área de Educação e Cultura que engloba os curos de História, Letras e Pedagogia. E você pode fazer parte desse universos. As inscrições para o Vestibular estão abertas. São opções de cursos presencias e a distância. A prova será dia 24/11. Então já sabe, vá até o hotsite, saiba mais e inscreva-se!

 

 

 


Buscar
Seção
Área
Período
A partir de
até
Voltar